sexta-feira, 7 de julho de 2006

Olá e Adeus...

Sábado é um dia de contrastes futebolisticamente falando. No dia em que o Benfica começa a sua nova época, com o primeiro amigável, disputado em terras da Suíça, a Selecção Nacional despede-se da Alemanha no jogo de atribuição dos 3º e 4º lugares.
Dois jogos de importâncias diferentes, mas que irão fazer os benfiquistas amantes de futebol ficarem colados à televisão no final de tarde de Sábado.
De um lado o interesse em saber o que valem Katsouranis, Paulo Jorge, Diego... em que forma estarão Manuel Fernandes, Nélson ou Mantorras... o que podemos esperar do homem que dá corpo e alma à mística benfiquista, Rui Costa... e como se irá comportar a equipa sem a presença de peças essenciais, como Petit, Simão, Luisão ou Nuno Gomes.
De outro lado o interesse patriótico de igualar o melhor resultado de sempre da Selecção Nacional em campeonatos do Mundo. Há quem diga que este jogo agora já não serve para nada... Mas a verdade é que este jogo pode marcar a diferença na história dos que fazem parte desta selecção.

Cristiano Ronaldo não foi escolhido para melhor jogador jovem, sendo ultrapassado por Podolski; Maniche está na lista dos 10 melhores jogadores do Mundial; da selecção ideal do Mundial fazem parte Ricardo, Ricardo Carvalho, Figo e Maniche; a Selecção portuguesa está na frente da votação para selecção que praticou futebol melhor durante o Mundial, votem também em nós no site da FifaWorldCup; para quem acha que, por ser o melhor marcador de sempre, o Pauleta já pode ombrear com a grandeza de Eusébio, este Mundial veio mostrar que isso é mentira... apresentou má forma, jogou apenas 5min contra Angola e um remate à meia-volta contra a Holanda é muito pouco para um bom avançado... Realmente marcar ao Kwait e ao Liechstenstein é bem mais fácil...

Saudações benfiquistas!!

Sem comentários: